domingo, 24 de fevereiro de 2013

A cara da loucura por Richard Avedon



Richard Avedon, um dos grandes nomes da fotografia cuja obra é célebre pelos retratos de pessoas famosas como Marilyn Monroe, John Lennon, Andy Warhol, Martin Luther King, Kofi Annan, Dwight Eisenhower, Igor Stravinsky, Pablo Picasso e muitos outros, realizou, em 1963, um trabalho diferente do habitual.

Avedon abandonou sua característica estética de estúdio e fez uma série, intitulada Mental Institution, com os pacientes do hospital psiquiátrico East Louisiana State Hospital. Em sua visita à Instituição, ele retratou os internos e suas condições de vida. As imagens são, ao mesmo tempo, perturbadoras e sensíveis, já que naquela época as pessoas internadas em manicômios ainda passavam por situações desumanas, o foco das internações não era o tratamento e a reabilitação mas o isolamento social da loucura. 

É notável nesse trabalho que Avedon não procurou seguir sua costumeira linha com retratos, que, em geral, mostram pessoas desapegadas de qualquer cenário e contexto, transmitindo uma atmosfera atemporal, entretanto, nessa série, ele situa e inclui dentro do contexto no qual vivem os pacientes, todos anônimos em suas fotografias. Essas pessoas, que sequer têm nomes, são mais do que o retrato da loucura, elas dão cara a uma denúncia silenciosa realizada pelo fotógrafo, que expõe as condições com as quais esses desviantes sociais são tratados. 

É possível ver a galeria com as fotos dessa série na página oficial de Richard Avedon.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2010-2016 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil