segunda-feira, 11 de março de 2013

A polêmica da revista Viva! Mais

Na semana passada, uma grande polêmica em torno do aprendizado da fotografia agitou a comunidade fotográfica. Na chamada na capa da revista Viva! Mais de Março: "VIRE FOTÓGRAFA EM 1 DIA e ganhe até R$ 4 mil por mês".

  
Capa da edição de Março da revista Viva! Mais e a matéria publicada ao lado.

A grande maioria dos fotógrafos são profissionais apaixonados, que dedicam a vida ao que fazem. Investem muito dinheiro e tempo, abrem mão de estar com a familia e arriscam até a própria vida no trabalho. Por isso, quando surge uma publicação informando que é possível fazer isso em um dia, é logo tratada como uma grande afronta, que desvaloriza o trabalho do profissional, uma completa falta de respeito.

Não é preciso dizer que diversos fotógrafos ficaram indignados. Várias pessoas manifestaram-se através da página da revista no Facebook, cada uma a sua maneira. Alguns mais exaltados, outros mais comedidos. Um leitor chegou inclusive a citar uma grande ironia: a mesma editora da revista (Abril) é responsável também por um cobiçado curso de fotografia oferecido anualmente pelo Curso Abril de Jornalismo.

Não bastasse o desrespeito a toda uma classe de profissionais, a matéria deturpa as palavras do fotógrafo entrevistado Leandro Neves.

De acordo com a matéria:

[...] já no início da carreira, dá para ganhar R$4 mil por mês. “Com seis meses de atuação você faz, em média, dois trabalhos por semana cobrando R$500 cada um”, diz Leandro Neves, fotógrafo de São Paulo.

A realidade, no entando, é outra. Leandro postou em seu blog o screenshot do e-mail trocado com o responsável pela matéria Fernando Gazzaneo:


Esse assunto, embora tenha indignado a maioria dos profissionais, parece ter dividido algumas opiniões. O fotógrafo e blogueiro Gilson Lorenti, em seu texto publicado no MeioBit, minimiza a polêmica ao dizer que, tratando-se de uma publicação pouco prestigiada - referindo-se a mesma como sendo a "maior marmelada" - logo seria esquecida e não causaria nenhum impacto no mercado.

Seja "marmelada" ou não, qualquer mídia deve ter responsabilidade sobre a informação que divulga para a população, pois muitas pessoas podem ser enganadas por ela. O fato de termos outras publicações parecidas sobre outros assuntos, não torna essa questão mais aceitável ou menos problemática.

A depreciação da profissão do fotógrafo está acontecendo não por eventos isolados. Ignorar uma publicação como essa vai sim contra os movimentos que lutam pela regulamentação e apreciação da profissão, mas não se trata apenas do impacto causado pela revista, que - concordo com o Gilson nessa parte - não vai prejudicar o mercado sozinha. Trata-se na realidade de uma atitude anti-ética que não deve ser deixada de lado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

6 comentários:

  1. Pefeito, Cid, partilho da sua opinião. Por menor que seja, essa publicação não possui menos deveres éticos do que as outras, não possui o direito de menosprezar toda uma categoria de trabalho assim.

    ResponderExcluir
  2. Sugiro uma nova reportagem com o "mot":
    "As suas primeiras 10 mil fotos serão as suas piores"
    (Henri Cartier-Bresson)

    ResponderExcluir
  3. A Viva Mais - que, atenção, correção, é semanal e não mensal - vende 150 mil exemplares mensais em média. É um volume MUITO grande e não dá pra ignorar. O Gilson chegou à conclusão certa pelo raciocínio errado.

    ResponderExcluir
  4. Cid, tudo bem?

    Este triste episódio me inspirou a escrever uma crônica, afinal, ao que tudo indica é a melhor profissão do mundo!

    Publiquei o texto na semana passada no Jornal de Piracicaba e no meu blog.

    Segue link

    http://dandonota.wordpress.com/2013/03/15/artigo-jornal-de-piracicaba-2/

    ResponderExcluir
  5. Pessoal, já que vocês ficaram tão indignados com essa matéria, o que acham dessa outra?

    http://www.plantaonews.com.br/conteudo/show/secao/48/materia/79545/t/Profiss%E3o+de+fot%F3grafo+exige+persist%EAncia,+talento,+dedica%E7%E3o+e+aprendizado+cont%EDnuo

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

 
Copyright © 2010-2016 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil