quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Fotógrafos são agredidos por policiais durante manifestações

Pelo menos quatro repórteres fotográficos teriam sido agredidos pela polícia durante as manifestações dos professores em São Paulo e no Rio de Janeiro

Pablo Jacob sendo agredido pela polícia com cassetetes (Alexandro Abbadie Auler/Facebook)

Na última terça-feira (15), as ações das polícias militares do Rio de Janeiro e de São Paulo, durante as manifestação dos professores por melhores condições de trabalho, deixaram marcas negativas para os profissionais da fotografia.

O repórter fotográfico Pablo Jacob, do jornal O Globo, fazia a cobertura da manifestação em frente a Camara de Vereadores do Rio de Janeiro quando foi agredido com golpes de cassetetes, como mostra a foto [acima] do colega Alexandro Auler. Nessa mesma hora, o fotógrafo Carlos Erbs Junior teria sido atingido com o escudo de um dos policiais.

Além das agressões físicas e morais, alguns tiveram prejuízos patrimoniais. O fotógrafo Adriano Rodrigues teve o flash dedicado quebrado após, segundo ele, ter sido atingido deliberadamente por um soldado enquanto registrava a ação da polícia militar contra um manifestante, em frente ao Teatro Municipal.

O fotógrafo Adriano Rodrigues registrava a ação da polícia quando teve a câmera atingida  (AF Rodrigues)






















"Pra fazer a foto [acima] eu precisei levantar meu braço. Ao levantá-lo, o policial veio por trás e com seu cassetete bateu em meu equipamento, pegando de cheio no meu flash. E em seguida correu e se escondeu por trás dos outros PMs. Foi tudo muito rápido, não deu nem pra saber o que tinha acontecido. Pensei que tinha sido na lente, quando vi meu flash no chão.

O flash dedicado de Rodrigues, após ser atingido por um policia com um cassetete (AF Rodrigues/Facebook)

Na capital paulista, o fotógrafo Guilherme Kastner, do Metrô News, recebeu um golpe de cassetete de um policial militar em um posto de gasolina na Marginal Pinheiros, enquanto atravessava o local. No momento da agressão não havia manifestação ou tumulto. Quando o profissional voltou-se para o policial exigindo satisfações e identificando-se como da imprensa, foi ameaçado gestualmente. Veja o vídeo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2010-2016 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil