terça-feira, 26 de novembro de 2013

Fotógrafo processa agencias e recebe indenização milionária

Na última sexta-feira (22), as agências de fotografia France Presse e Getty Images foram condenadas pelo Tribunal Distrital do Sul de Nova York a pagar US$ 1,2 milhão (cerca de R$ 2,75 milhões) ao fotógrafo haitiano Daniel Morel por violação de direitos autorais.

No dia 12 de janeiro de 2010, Morel, que trabalha como freelancer, publicou em seu perfil no Twitter fotos exclusivas do terremoto que atingiu o Haiti naquele ano e matou mais de 250 mil pessoas. As agências de fotografia AFP e a Getty Images reproduziram as imagens sem o consentimento de Morel e como resultado, uma de suas fotos acabou estampando capas de jornais, sites e revistas em todo o mundo.

A fotografia de Morel foi publicada nas primeiras páginas de jornais de todo o mundo sem a sua permissão
Em janeiro deste ano, uma corte federal nos EUA já havia decidido que a France Presse, que repassou as fotos para a Getty Images, violou os direitos de Morel ao distribuir suas fotos. 

Em fevereiro de 2011, Daniel Morel foi agraciado com dois prêmios do World Press Photo, um dos mais renomados do mundo, justamente pelas fotos do ano anterior que originaram o processo contra as duas agências de fotografia. Ele ganhou o primeiro lugar na categoria "Spot News Stories", e o segundo lugar na categoria "Spot News Singles".

Fonte: Reuters (via G1)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2010-2016 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil