segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Lívia Aquino abre a programação de palestras do VI Prêmio Diário Contemporâneo de Fotografia


A primeira palestra da programação da 6ª edição do Prêmio Diário Contemporâneo de Fotografia ficará por conta da fotógrafa e pesquisadora no campo da imagem, Lívia Aquino, com “Enunciados de um mundo-imagem [ou o que poderia ser um selfie de todos nós]”. O evento ocorre nessa quinta-feira (26), às 19h, no auditório do Centro Cultural Brasil-Estados Unidos (CCBEU). A entrada é franca.

Lívia integra o júri dessa edição do projeto ao lado da curadora, crítica e pesquisadora em artes, Marisa Mokarzel e da artista e pesquisadora em artes, Val Sampaio. Ela vem debater em sua palestra a nossa percepção do mundo através da imagem.

Altamente relacionada com a modernidade, a fotografia encontrou formas de acompanhar as diversas mudanças sociais, principalmente se firmando como parte de seus rituais, como é o caso do turismo. A câmera fotográfica diversifica a experiência da viagem e de certa forma intervêm no comportamento do viajante. Ela constrói uma percepção de realidade que cada vez mais vai se tornando a nossa percepção cotidiana.

Segundo Lívia, “a partir dos anos 1980, alguns artistas começam a problematizar o turismo nessa relação com a fotografia, apontando questões sobre o conteúdo e as formas de ver, a serialização, o esgotamento, a posse e a pose. Nota-se nessa perspectiva um processo de reconhecimento e registro de tensões entre os dois campos, bem como um exercício critico acerca das imagens ao deslocá-las no tempo e no espaço de seus usos, restituindo enunciados dos modos de operação da fotografia, principalmente aquela feita por amadores, e produzindo nova percepção e subjetivação da experiência da viagem”. 

Uma dessas artistas a qual Lívia se refere é a suíça Corinne Vionnet, que para a série “Photo Opportunities” recolhe na internet centenas de fotografias produzidas por turistas e reúne tudo em uma única imagem. “Porém, quando superpõe as fotografias, Vionnet tira a opacidade de cada uma e faz com que as camadas apareçam sutilmente de modo a criar uma nova imagem. O aspecto quase onírico do desfoque gerado com as sobreposições coloca o monumento em suspensão, como se flutuasse no espaço que se reconhece de antemão por tantas outras fotografias vistas 6 em cartões postais e guias turísticos como as do Taj Mahal, das pirâmides do Egito, da Sagrada Família ou do Coliseu”, acrescenta Lívia.

Vionnet se apropria e dá novo significado àquelas imagens de massa, mas ainda há de se observar que a matéria-prima para um trabalho como esse é justamente a evidência do clichê, da repetição e da uniformização da experiência do viajante que se torna nada mais do que um acumulador de imagens. A fotografia é a prova de um programa que foi meticulosamente cumprido e um roteiro fácil para a nossa memória. Viver a experiência seria igual a olhar a foto dela.

A palestra será uma reflexão que evidencia um amplo sentido para o fotográfico no modo de vida contemporâneo, apontando um hibridismo tanto entre os sujeitos dessa história como pelos meios utilizados para se fazer o que ainda pode ser nomeado como fotografia.

Criado em 2010, o Prêmio Diário Contemporâneo de Fotografia é um projeto nacional que incentiva a cultura, a arte e a linguagem fotográfica em toda a sua diversidade. O projeto não se restringe à premiação, ele incentiva a educação e a pesquisa com uma programação de palestras, encontros com artistas, oficinas e atividade educativa com as escolas.

SERVIÇO:

Lívia Aquino inaugura a programação de palestras do Prêmio Diário Contemporâneo de Fotografia.
Data: 26 de fevereiro de 2015.
Horário: 19h. Local: Auditório do Centro Cultural Brasil-Estados Unidos - CCBEU.
Endereço: Travessa Padre Eutíquio, 1309 - Batista Campos.
Informações: (91) 3355-0002 / 8367-2468; contato@diariocontemporaneo.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2010-2016 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil