terça-feira, 15 de março de 2016

Professora de dança tem foto compartilhada indevidamente e denuncia fotógrafo

Um fotógrafo do município de Parnaíba está sendo alvo de denúncia por supostamente ter compartilhado foto de uma professora de dança sem a devida autorização. A imagem que expõe indevidamente a vítima e foi feita sem que ela percebesse, sugere uma pose pornográfica. A foto está circulando em grupos de Whatsapp em todo o Brasil e no Facebook, cujas determinadas postagens já têm mais de 300 compartilhamentos.

Lynda Sharon conta que recebeu o convite de Gleitowney Miranda para fazer um ensaio fotográfico de divulgação da academia na qual ela trabalha. “Ele já tinha feito outras e tinha ficado tudo bem, então concordei. Nas fotos eu estava com roupas de academia e usando os aparelhos”, relata a professora de dança.

Segundo ela, Gleitowney usou de má fé ao fotografá-la de frente, em aparelhos que são usados com as pernas abertas. “Eu pedi que fizesse com ângulo lateral, mas ele enfatizou nas minhas partes íntimas”, conta Lynda.

A imagem que circula pela internet sequer teriam sido vista antes pela professora de dança. “Quando menos espero, uma amiga lá no Rio de Janeiro me manda um print de um grupo. Depois disso só foi aparecendo mais gente falando, mandando prints. Saiu até do Brasil”, lamenta.

O ensaio foi realizado em fevereiro, mas a vítima preferiu não relatar sobre o que estava passando. “Antes tava pensando em abafar, em me esconder, fugir p longe. Mas depois vi que preciso enfrentar isso, porque a errada não sou eu. Ele denegriu a minha imagem e quero que seja punido”, enfatiza Lynda Sharon.

Ela já contratou um advogado, registrou Boletim de Ocorrência e prestou depoimento, mas teme que a denúncia não seja suficiente para incriminá-lo. “Me disseram que não vai dar em nada porque esse tipo de crime é considerado pequeno, mas claro que não é! Olha a repercussão que deu”, relata.

Devido ao ocorrido, Lynda conta que está à base de calmantes e ficou muitos dias sem comer. “Ele me expôs para o mundo. Estou sofrendo muito com isso... Muito mesmo”, lamenta a vítima.

O PortalODIA não conseguiu contato de telefone de Gleitowney Miranda. Ele também teria excluído o seu perfil no Facebook logo após as denúncias de Lynda Sharon.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2010-2016 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil