segunda-feira, 25 de abril de 2016

Mostra apresenta fotografias que documentam o processo de extração manual de sal na região dos lagos no Rio de Janeiro


Estreia na próxima sexta-feira (29), no Ateliê da Imagem Espaço Cultural, no Rio de Janeiro, a exposição fotográfica "Sal". A mostra apresenta uma documentação poética sobre o processo de extração manual de sal realizado na região dos lagos no Rio de Janeiro, mais especificamente nos municípios de Araruama e Arraial do Cabo, resultado do trabalho do fotógrafo Ricardo Hanstzschel iniciado em 2011, buscando ressaltar aspectos estéticos da extração salineira e seus personagens ainda ativos, objetivando conhecer e dar visibilidade a um modo de produção que se mantém inalterado desde o século XIX.

Um ofício que, por questões econômicas, climáticas e sociais, tende a se extinguir silenciosamente na próxima década, com mudanças significativas na paisagem local. Como parte do trabalho, foi realizada uma pesquisa de materiais com o propósito de utilizar o produto bruto extraído das salinas e adapta-lo à técnica do papel salgado, suporte sensível precursor da fotografia criado pelo inglês William Henry Fox Talbot em 1834, no qual as cópias da exposição foram impressas. A exposição é composta por 16 fotografias impressas em papel salgado com tonalização (viragem) a ouro sobre papel.


Esta é uma obra de ficção. Uma representação de um real possível, mediado pelo aparato, pela edição, pela emoção e pela imaginação. O mote é o sal, substância que faz parte significativa da história do homem. De caráter simbólico, em diversas culturas aparece em rituais de proteção e purificação; em outras, representa a incorruptibilidade, ou mesmo a amargura. De grande valor, quando raro já foi moeda de troca e salário de soldados. Personagem de um ofício que se mantém inalterado desde o século dezenove e que tende a desaparecer lenta e silenciosamente, calando o arrastar metálico das pás, o gemer dos carrinhos de mão, o puxar dos rodos, o pavonear dos cataventos.

Com textos do artista e fotógrafo luso brasileiro Fernando Lemos, da curadora de fotografia Rosely Nakagawa e da curadora de arte contemporânea Paula Braga, o livro SAL apresenta as imagens do ensaio fotográfico vencedor do XIV prêmio Funarte Marc Ferrez de fotografia, documentando o percurso criativo/empírico do fotógrafo Ricardo Hantzschel.

A publicação medindo 23x28 cm, tem 144 páginas em couchê fosco 150g e capa dura com verniz de reserva texturizada. Os exemplares conterão uma fotografia no tamanho 28x22cm em papel fine art, numeradas e assinadas.


SERVIÇO

Exposição e lançamento do Fotolivro "Sal", de Ricardo Hantzschel com texto de Fernando Lemos
Abertura: dia 29 de abril, às 19h (entrada franca)
Local: Ateliê da Imagem Espaço Cultural - Avenida Pasteur, 453, Urca
Informações: (21) 2541-3314 | www.ateliedaimagem.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2010-2016 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil