quinta-feira, 19 de maio de 2016

Modelos protestam contra o rótulo "Plus Size" na moda

Modelos posaram com o texto “Eu sou uma modelo” escrito na barriga (da esquerda para a direita): Stefania Ferrario, Teagan Suhr, Kadiesha Gary, Kristy Farrell, Daniela Rosa, Mint Narukatpichai, Jessica Eisner (Facebook/Reprodução)

Em abril do ano passado, a modelo australiana Stefania Ferrario lançou através do Instagram a campanha #DropThePlus. O objetivo é pressionar as empresas do ramo da moda a deixarem de utilizar o controverso rótulo "Plus Size" em suas etiquetas e categorias de modelos. Com pouco mais de um ano, a campanha ganhou novas adeptas e as publicações com a hashtag na rede social já passam de 9 mil.

Nos Estados Unidos, modelos acima do tamanho 4 são automaticamente rotuladas como "Plus Size" mesmo que o tamanho médio de roupas seja entre 12 e 14. Segundo Ferrario, as jovens são influenciadas pela indústria da moda. Quando elas veem modelos que podem ser do seu tamanho ou mesmo menores, sendo rotuladas como "Plus Size", elas passam a acreditar que seus próprios corpos são maiores do que deveriam ser. "Devemos ter modelos de todos os tamanhos e formas, sem segregando-os e falsamente rotulá-los. Somos modelos e ponto final."

Desde o início da campanha, muitas agências de modelos deixaram de utilizar a categoria "Plus Size" e passaram a adotar o termo "Curve", outras apenas moveram as modelos com mais curvas para o elenco principal sem qualquer segregação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2010-2016 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil