sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

O poder da fotografia de protesto

Exposição em Nova York apresenta uma seleção de imagens de protestos que aconteceram na cidade durante o final do último século

A exposição "Whose Streets? Our Streets!: New York City, 1980-2000", que segue em cartaz no Bronx Documentary Center até o dia 5 de março, apresenta fotografias de manifestações, motins, marchas e manifestações que eclodiram em Nova York entre 1980 e 2000. A mostra explora reações dos moradores de duas décadas de rápidas mudanças econômicas e demográficas. A era foi consumida por questões de brutalidade policial, gentrificação, AIDS, direitos de gays e lésbicas, direitos reprodutivos, política externa e ações militares, educação e relações de trabalho.

"Embora este grupo de fotógrafos tenha feito fotografias muito poderosas de protestos em Nova York durante essas décadas tumultuosos, por estarem trabalhando de forma independente e antes do advento da internet e mídias sociais, muito do seu trabalho nunca tinha sido visto", disse Tamar Carroll, co-curador da mostra. Muitas das preocupações dos manifestantes ainda estão nas manchetes de hoje, acrescentou Carroll, e a posse de Donald Trump - e a oposição que ele inspirou - tornaram as imagens de agitação cívica mais relevantes do que nunca. "Fotografar esses eventos foi crucial para o registro histórico", acrescentou a co-curadora Meg Handler.

Andrew Lichtenstein

Frank Fournier

Linda Rosier

Michael Kamber

James Hamilton

Linda Rosier

Carolina Kroon

Brian Palmer

Sandra Lee Phipps

Q Sakamaki

Q Sakamaki

Dona Ann McAdams

Ricky Flores

Edwin Pagan

Lisa Kahane

Ricky Flores

Sylvia Plachy
Fonte: The Atlantic

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2010-2017 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil