terça-feira, 15 de abril de 2014

Fotógrafo de Roraima registra fenômeno da 'Lua de sangue'

Fotógrafo registrou as fases da lua desde as 2h até as 5h (Foto: Jorge Macêdo)

Apesar do tempo nublado em Roraima foi possível contemplar o eclipse lunar, ou a 'Lua de sangue', na madrugada desta terça-feira (15). Usando equipamentos especiais o fotógrafo Jorge Macêdo registrou o fenômeno que ocorreu entre 2h e 5h [horário local].

"Soube no dia anterior que teríamos um eclipse. Então fiquei alerta, olhando para o céu sempre achando que ia ser difícil visualizar o eclipse por causa das nuvens. As 2h10 vi a lua saindo do meio das nuvens e peguei a câmera com uma lente 400 mm, um tripé e comecei a fotografar alternando a velocidade, as aberturas e o ISO", disse, acrescentando que todo o processo levou mais de três horas.

O eclipse visto em todo o continente americano foi o primeiro de uma série de quatro eclipses lunares que devem ocorrer, aproximadamente, a cada seis meses e se repetirão apenas sete vezes neste século. O próximo eclipse total está previsto para o dia 8 de outubro.

De acordo com a professora e mestre em física Melanie Truquete, o fenômeno é um eclipse lunar total que ocorre quando a Lua passa pela sobra umbral da Terra, que bloqueia a luz do Sol e impede de chegar à Lua.

"A fase total de um eclipse lunar é interessante e bela, precisamente por causa do efeito de filtragem e refração na atmosfera da Terra, quando a Lua fica completamente dentro da sua sombra umbral, a luz solar indireta ainda consegue iluminá-la, porque os raios do Sol que atingem a atmosfera da Terra serão refratados. Eventos como esse são extraordinários para se contemplar", explicou.

Texto do G1 RR

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2010-2016 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil