sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Top 5: Fotolivros de 2014

Em 2014, a publicação de fotolivros continuou a prosperar como nunca, quebrando os padrões de formatos e nivelamento da hierarquia das plataformas de publicação tradicionais. Os fotógrafos assumiram grande parte - quando não todos - os aspectos de controle de edição e publicação, apresentando seus próprios trabalhos através de livros auto-publicados.

Selecionamos aqui os 5 fotolivros que mais se destacaram com obras produzidas nacionalmente:


5. "Fase Catarse" de Pedro David


O livro reúne 46 fotografias que compões a trilogia de trabalhos realizados pelo artista Pedro David, entre 2008 e 2011. As três séries têm em comum a interpretação do ambiente urbano próprio do artista, em um período específico de sua vida. Elas versam, de maneira lírica e transformadora, sobre a questão imobiliária: a dificuldade de encontrar um lugar para se viver nos centros urbanos, a educação e a relação entre vizinhos, e o esforço de recuperação após a morte de um parente próximo, através da exploração de seu ambiente e pertences.

Aluga-se, realizada em apartamentos oferecidos para locação, enquanto o autor procurava um novo lar em 2008; Coisas Caem do Céu, realizada no apartamento escolhido, com pequenos objetos encontrados diariamente na área externa do apartamento recém ocupado; e Última Morada, que é composta de fotografias realizadas no apartamento em que morava sua mãe, após sua morte.


4. "Rio" de Roberto Rosa


O livro apresenta 111 imagens do Rio de Janeiro, escolhidas em mais de dez mil cliques feitos ao longo de três anos. As imagens que compõem o livro mostram o olhar singular de Rosa, um paulista que trocou a pauliceia desvairada pela cidade maravilhosa e, até hoje, enxerga o Rio de Janeiro como alguém que acabou de chegar.


3. "Lambe Lambe" de Joachim Schmid


O livro publicado pelo fotógrafo baseado em Berlim, apresenta três séries de retratos impressos a partir de negativos descartados por fotógrafos lambe-lambe, encontrados nas ruas de Belo Horizonte, entre 1992 e 2002. As imagens foram reveladas através de impressões de contato.


2. "Periscope" de José Diniz


Para chegar às 54 imagens eleitas para o livro Periscope, José Diniz percorreu o litoral do país, do Maranhão até o Sul, por mais de oito anos. São pessoas, prédios, o horizonte, o céu e o próprio mar, de uma perspectiva bem particular, “nem submarina, nem terrestre, sempre na superfície”, diante, sob e sobre o mar. A publicação foi selecionada por Matthew Carson, bibliotecário do International Center of Photography, entre os 10 melhores fotolivros do ano.


1. "Centro" de Felipe Russo


O fotolivro auto-publicado (editado, impresso e distribuído pelo próprio fotógrafo) é resultado de sua pesquisa de mestrado e apresenta 21 imagens que mostram os rastros vazios do centro de São Paulo. Martin Parr, fotógrafo da agência Magnum. descreve Centro como um “charmoso e pequeno livro sobre São Paulo, que combina pontos de vista mais amplos da anarquia da cidade com detalhes aparentemente simples e surreais das ruas, reunidos para fazer um livro fascinante”. A publicação figura entre os melhores fotolivros de 2014 selecionados pela Time.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

1 comentários:

 
Copyright © 2010-2016 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil