sexta-feira, 29 de maio de 2015

Fotógrafo é agredido por policial e impedido de registrar B.O.

Danilo Verpa/Folhapress/Reprodução
Na manhã desta sexta-feira (29), o repórter fotográfico da Folha de São Paulo Danilo Verpa, 31, foi agredido por um policial [foto] com um golpe de cassetete enquanto cobria a manifestação de funcionários e estudantes da USP como parte do Dia Nacional de Paralisação e Manifestações. 

A agressão ocorreu após Verpa fotografar a prisão de um manifestante por dois policiais no cruzamento entre a rua Alvarenga e a rodovia Raposo Tavares, que chegou a ser fechada no protesto. Indo em direção à calçada, Verpa atravessou um grupo de sete policiais militares que o apressaram dizendo "sai, sai, sai", no que ele respondeu que era da imprensa. Nesse momento, um deles deu uma cacetada em sua panturrilha por trás. Quando Verpa se virou, o policial gritou "sai, imprensa filha da puta". O policial não usava identificação.

O fotógrafo tentou registrar o boletim de ocorrência no 34º distrito policial, mas o escrivão alegou que isso não podia ser feito sem o nome do policial apontado como responsável pela agressão. A negativa foi mantida mesmo após Verpa argumentar que o policial não usava identificação e oferecer ao escrivão fotos do policial.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2010-2016 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil