quinta-feira, 23 de julho de 2015

Exposição desvenda o ambiente da carceragem do Carandiru

Estreia no próximo sábado (25), na galeria 1500 Babilônia, no Rio de Janeiro, a exposição "Espaços Aprisionados", do fotógrafo Pedro Lobo. Na série, o fotógrafo desvenda o ambiente da carceragem do Carandiru dias antes da demolição do complexo prisional, evidenciando a luta dos detentos em manter condições dignas nos espaços de reclusão. A curadoria é de Miguel Rio Branco.

Utilizando a fotografia de arquitetura como meio de tecer comentários sobre as pessoas que vivem e ocupam as moradias retratadas, o artista leva este olhar para a Penitenciária do Carandiru, apresentando 13 imagens feitas durante os últimos dias de ocupação pelos presos e momentos antes da demolição do complexo prisional.

Com forte sensibilidade, Pedro Lobo permeia o ambiente tenso da carceragem e agrega traços de humanidade a esta paisagem carregada de dor e violência. Nas palavras do fotógrafo: “Estas imagens não são a respeito de crimes, ou criminosos, mas sim sobre seres humanos que se encontram, ou se colocaram, em situações extremamente adversas e que, apesar de tudo, decidiram não abandonar a luta por uma existência digna.”.

No dia 1º de agosto, a partir das 14h, acontece um encontro com Pedro Lobo, no espaço da 1500 Babilônia, ocasião em que os presentes poderão conversar com o artista sobre sua produção, processo criativo e outros temas relacionados.







SERVIÇO

Exposição "Espaços Aprisionados"
Abertura: 25 de julho de 2015, sábado, das 15 às 22h
Período: 30 de julho a 17 de outubro de 2015
Horários: Quinta-feira a sábado, das 11 às 19h, ou por agendamento
Encontro com artista: 1º de agosto de 2015, sábado, a partir das 14h
Local: 1500 Babilônia – Rua Marquês de Abrantes, 19, Babilônia, Leme - Rio de Janeiro
Informações: galeria@1500babilonia.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2010-2016 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil