terça-feira, 11 de novembro de 2014

Pedro David apresenta Fase Catarse no Rio de Janeiro

Trilogia reúne séries “Aluga-se”, “Coisas caem do Céu” e “Última Morada”, produzidas pelo artista entre 2008 e 2011. 



Fotógrafo representado pela Galeria da Gávea, Pedro David apresenta sua “Fase Catarse” a partir de 14 de novembro. Primeira individual do artista no Rio de Janeiro, a mostra reúne três séries produzidas entre 2008 e 2011 — “Aluga-se”, “Coisas caem do Céu” e “Última Morada”. Em comum, elas trazem a interpretação do ambiente urbano particular do mineiro nascido em Santos Dumont.

A exposição traduz a leitura de Pedro David para momentos de introspecção, incômodo e superação vivenciados nestes quatro anos. Aborda a exaustiva busca para encontrar um lugar para se viver nos centros urbanos, a falta de educação de vizinhos, e o esforço de recuperação após a morte da mãe por meio de um olhar poético sobre seu ambiente e pertences.

Cada um dos trabalhos foi produzido enquanto o artista vivenciava tais situações cotidianas, em um processo no qual a fotografia servia, a cada registro, como instrumento de catarse. “As fotos me guiaram por essas situações, me ajudando a entendê-las e a passar por elas. Não à toa decidi reunir as três séries em uma única mostra, pois juntas representam um momento importante na minha vida”, comenta.

São ao todo cerca de 30 fotografias impressas em diversos tamanhos, entre 110x110 cm, 90x90cm, e 50x50 cm, além de uma instalação áudio visual composta por fotografias editadas em vídeo, acompanhadas por pequenos poemas autorais que introduzem cada série.

Sobre Pedro David

Nascido no município de Santos Dumont, Minas Gerais, em 1977, Pedro David vive e trabalha entre Nova Lima e Belo Horizonte. Fotógrafo/artista visual, graduado em jornalismo pela PUC-MG, em 2001, cursou pós-graduação em artes plásticas e contemporaneidade na Escola Guignard (UEMG, 2002). Tem três livros publicados — Paisagem Submersa (Cosac Naify 2008), O Jardim (Funceb 2012) e Rota Raiz (Tempo D´Imagem 2013) — e trabalhos em coleções como a do Museu de Arte Moderna de São Paulo, a do Musée du Quai Bralnly, de Paris, e a prestigiada Coleção Pirelli – MASP.

Entre as mostras individuais, destacam-se a realizada na Galeria Astarté (Madri, Espanha – 2014), no MAM - Bahia (Salvador, 2012), na Lemos de Sá Galeria (Belo Horizonte, 2012), e na Fauna Galeria (São Paulo, 2012), para citar as mais recentes. Já entre as coletivas, chamam atenção as participações na I Bienal de Fotografia do MASP (São Paulo, 2013), no Photoquai (Paris – 2013) e em Esquizofrenia Tropical (Photoespaña - Madri – 2012), além das realizadas no Museu de Arte Contemporânea do Ceará (Fortaleza-CE, 2012), no Ex-Teresa arte Actual (México D.F., 2011), no Museu da Imagem e do Som (São Paulo – 2011), na Geração 00 (Sesc Belenzinho – São Paulo, 2011), na Noordelicht Photogallery (Groningen, Holanda, 2008) e na 5ª Bienal de Fotografia e Artes Visuais de Liége (Mammac – Liége, Bélgica, 2006).

No currículo contam ainda prêmios como o Nexo Foto (Madri, Espanha, 2014), o Prêmio Nacional de Fotografia Pierre Verger (2011), o Prêmio União Latina – Martín Chambi de Fotografia (2010) e o Prêmio Porto Seguro Brasil de Fotografia (2005), entre outros.

SERVIÇO

Exposição "Fase Catarse"
Abertura: 13 de novembro
Exibição: de 14 de novembro de 2014 a 30 de janeiro de 2015
Visitação: com hora marcada, de segunda a sexta, das 11h às 19h.
Local: Galeria da Gávea – Rua Marquês de São Vicente 431, loja A, Gávea.
Informações: (21) 2274-5200.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2010-2016 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil