sexta-feira, 31 de maio de 2019

Museu da Fotografia Fortaleza recebe exposição inédita dos Irmãos Vargas e Martín Chambi

As imagens apresentam uma documentação histórica da sociedade peruana

Irmãos Vargas/Divulgação

Neste sábado (1), o Museu da Fotografia Fortaleza (MFF) inaugura uma exposição inédita no Brasil, revelando um encontro histórico entre três dos maiores nomes da fotografia peruana, referência imagética até os dias atuais. Carlos e Miguel Vargas Zaconet e Matín Chambi estarão juntos mais de um século depois dos estudos realizados pelos três com os mestres Max T. Vargas e Emilio Díaz, proprietários de grandes e sofisticados estúdios do início do século XX.

“Estúdio de Arte Irmãos Vargas encontra Martín Chambi” chega a Fortaleza com curadoria de Diógenes Moura e todas as obras compõem a Coleção Paula e Silvio Frota, que reúne o maior acervo da América Latina sobre os Irmãos Vargas. A mostra traz mais de 100 fotografias destes artistas e de suas referências. No sábado, 1º de junho, a partir de 10h, acontece a abertura da exposição com visita mediada, seguida pelo monólogo: “Existência. Imagem. Abandono.”, pelo curador Diógenes Moura.

No fim do século XIX e início do século XX, as cidades de Lima, Cuzco e Arequipa foram responsáveis pelo desenvolvimento artístico do Peru. E este período teve grande significado para a história da fotografia na América Latina, diretamente ligada ao trabalho de Chambi e dos Irmãos Vargas. Foi ainda nos anos 1920 que Arequipa teve um crescimento econômico latente por consequência de altos investimentos em infraestrutura e comércio na região, o que fomentou as exportações de lã e mineração na cidade. Assim, o poder aquisitivo da população aumentou e os estúdios fotográficos multiplicaram-se para atender à nova burguesia. As imagens que estarão expostas foram realizadas entre 1912 e 1941 e são todas em preto e branco. Elas propõem um discurso amoroso onde o registro poético é uma constante, o que torna cada uma delas uma espécie de realidade perfeita, tempo preciso, calmaria. Segundo o curador, Diógenes Moura, “Estúdio de Arte Irmãos Vargas encontra Martín Chambi” a mostra é um tesouro. “Essa exposição é preciosa, como um segredo que aos poucos vai revelando histórias de um povo que viveu no início do século XX. Ver os Irmãos Vargas ao lado de Martín Chambi é quase um ato sagrado, imbuído pelo silêncio e pela elegância de uma época passada, o que nos levará para sempre ao futuro.”

Para a nova exposição temporária do MFF é preparada desde a visita mediada pelo curador e palestra, até moderna tecnologia. Diversas ações para inclusão de acessibilidade já foram realizadas pelo Museu e este material também trará a leitura de QR Code através de dispositivos móveis, para que deficientes visuais possam ouvir conteúdo descritivo acerca das obras.

SERVIÇO:

Exposição “Estúdio de Arte Irmãos Vargas encontra Martín Chambi”
Abertura: 1 de junho de 2019, com visita mediada às 10h e monólogo às 11h30
Visitação: de quarta-feira a domingo, de 12h às 17h
Local: Museu da Fotografia Fortaleza – Rua Frederico Borges, 545, Fortaleza/CE
Ingresso: gratuito (censura livre)
Informações: (85) 3017-3661

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMUNICAR ERRO

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © 2010-2019 Resumo Fotográfico. Termos de uso.
Belo Horizonte, MG - Brasil